fbpx

Tema:

Em busca da saúde financeira

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Em busca da saúde financeira

Em busca da saúde financeira

Embora nossa existência nessa vida seja atestada pelo nosso corpo físico, não basta ter saúde física para sermos considerados saudáveis e felizes.  Nossa vida exige mais do que isso.  Temos que encontrar o equilíbrio físico, emocional e até espiritual para nos sentirmos realizados.  Precisamos sentir-nos seguros inclusive no lado financeiro, pois, afinal, é preciso dinheiro para morar, comer, nos vestir, estudar, pagar plano de saúde e por aí vai.  E quando estamos sempre no vermelho do banco, surge aquela preocupação.  Mas como sair dessa enrascada de saldos negativos?

A saúde financeira é adquirida quando conseguimos viver com a nossa renda, o que nem sempre é fácil.  Muitas pessoas acreditam que bens desejados e por um bom preço devem ser adquiridos, independentemente de se ter ou não os recursos.  As pessoas que assim procedem, normalmente, têm sua vida financeira um tanto quanto confusa.

Muitos problemas financeiros têm origem em questões emocionais.  Sabe-se, por exemplo, que pessoas bipolares são passíveis de ser gastadoras compulsivas.  Neste caso, apenas terapia não basta e a ajuda de um psiquiatra é fundamental.

Tirando questões de saúde psíquica, o equilíbrio financeiro pode ser adquirido através do controle emocional.  As pesquisas já mostraram que o ato de pagar por compras aumenta o nível dos hormônios do prazer no nosso organismo.  Por isso os sonhos são importantes.  Eles dão norte à nossa vida e nos ajudam a conter nosso impulso pelo consumo.  O importante é desviar o pensamento toda vez que você ficar tentado a comprar algo.  Pense na realização do seu sonho de consumo, por exemplo.  Que tal imaginar a tão desejada viagem à Europa neste momento?  Será que o sacrifício de não gastar hoje em pequenas coisas não compensa a realização de algo maior no futuro?  Essa técnica é muito útil e funciona como uma cenourinha à nossa frente.

Um conselho que costumo dar às pessoas que estão se movimentando em direção a uma compra é se questionar se realmente precisa daquele bem.  Deve-se comprar algo quando se necessita e não quando se tem vontade.  Toda compra deve ser consciente e caber no nosso orçamento.  Temos saúde financeira quando temos poder sobre nossas finanças e atingimos esse estágio quando somos o chefe do nosso dinheiro e não ao contrário.  Tente essas dicas da próxima vez que se sentir impelido a gastar e disfrute de muita saúde física, mental e financeira.

Se você gostou deste texto, saiba mais sobre planejamento financeiro adquirindo o livro escrito pela Profa. Lilian Gallagher, Planeje seu Futuro Financeiro.  Pode ser encontrado na editora Alta Books ou nas principais livrarias do país.

Veja também

Assine nossa newsletter e receba promoções e novidades direto no seu e-mail.